Gaudium news > CNBB aceita renúncia de Frei Evaldo Xavier Gomes após escândalo

CNBB aceita renúncia de Frei Evaldo Xavier Gomes após escândalo

O carmelita já havia renunciado ao ofício de pároco da Paróquia Nossa Senhora do Carmo, em Belo Horizonte (MG).

Redação (06/12/2021 10:59, Gaudium Press) Após ter o seu nome envolvido em um escândalo na última semana, (Carmelita renuncia a cargos após divulgação de fotos íntimas) o Frei Evaldo Xavier Gomes, O. Carm. pediu a renúncia dos cargos que ocupava.

A presidência da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) divulgou um documento no qual atende ao pedido de renúncia de Frei Evaldo das seguintes funções que exercia junto à instituição: consultor canônico e membro, como canonista, de algumas comissões.

De acordo com a CNBB, a consultoria canônica será respondida, de modo interino, pelos seguintes clérigos: Dom Moacir Silva (Coord.), arcebispo de Ribeirão Preto (Presidente da comissão); Dom José Aparecido Gonçalves de Almeida, bispo auxiliar de Brasília; Padre Alberto Monte Alegre (do clero arquidiocesano de Salvador); Padre Ewerton Fernandes Moraes, (do clero arquidiocesano de S. Paulo); Padre Tarcísio Pedro Vieira, (do clero arquidiocesano de Florianópolis); e Padre Valdir Manoel dos Santos (sacerdote dehoniano, servindo em Recife).

Na sexta-feira, a Arquidiocese de Belo Horizonte, em acordo com a Ordem dos Carmelitas, acolheu a renúncia do religioso para o ofício de pároco da Paróquia Nossa Senhora do Carmo na capital mineira. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas