Gaudium news > Santuário nas Filipinas recebe o título de Basílica menor

Santuário nas Filipinas recebe o título de Basílica menor

As Basílicas menores podem se gloriar do título por conta de sua antiguidade, pela dignidade que reveste aos olhos dos fiéis, pelo valor histórico, arquitetônico ou artístico, pelo alto valor e significado como lugar de culto.

Filipinas – Quezon (13/07/2020 11:00, Gaudium Press) A Conferência Episcopal das Filipinas divulgou através de seu website a informação de que a Santa Sé conferiu ao Santuário de São Pedro Batista o título e a dignidade de Basílica menor.

Filipinas possui apenas 17 Basílicas menores

Dirigido pelos franciscanos, o templo é o mais antigo da cidade de Quezon e se une a, até então, única Basílica existente na Diocese de Cubao, o Santuário Nacional de Nossa Senhora do Monte Carmelo.

A decisão alegrou os fiéis do arquipélago, por ser uma rara honra, se considerarmos que nesta, que é a única nação de maioria católica no continente asiático, com seus mais de 100 milhões de habitantes, apenas 17 igrejas possuem este título.

Basílicas menores

As Basílicas menores podem se gloriar do título por conta de sua antiguidade, pela dignidade que reveste aos olhos dos fiéis, pelo valor histórico, arquitetônico ou artístico, pelo alto valor e significado como lugar de culto.

As Basílicas são classificadas em dois tipos: “Basílicas maiores”, que são quatro, todas situadas em Roma: São Pedro, São João de Latrão, Santa Maria Maior e São Paulo Extramuros; e as “Basílicas maiores”, que já passam de 1500 e estão distribuídas em todo o mundo.

Cerimônia e símbolos papais

Durante a celebração solene, que efetivará a nomeação da Basílica, serão instalados e abençoados alguns símbolos papais que marcarão a união particular da nova Basílica ao Pontífice. A cerimônia está prevista para ocorrer no final do ano, mas ainda não há uma data certa para que ela aconteça.

Santuário de São Pedro Batista

O Santuário de São Pedro Batista está entre os mais antigos do país, tendo sido concluído em 1590. A área na qual surge a igreja é a mesma na qual o santo padroeiro, São Pedro Batista, viveu quando foi designado para a missão nas Filipinas. Ele foi um religioso franciscano e fino teólogo, que prestou serviço por dez anos antes de ser enviado ao Japão, onde morreu como mártir. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas