Gaudium news > Santuário de Frei Galvão está preparado para festejar seu padroeiro

Santuário de Frei Galvão está preparado para festejar seu padroeiro

Canonizado pelo Papa Bento XVI, Santo Antônio de Sant’Ana Galvão se tornou o primeiro santo, declarado oficialmente pela Igreja Católica, que nasceu, viveu e morreu no Brasil.

São Paulo – Guaratinguetá (19/10/2020 11:00, Gaudium Press) O Santuário de Frei Galvão, localizado na cidade de Guaratinguetá (SP) iniciou no dia 16 de outubro a novena em preparação à festa de seu santo padroeiro.

A novena, que ocorre entre os dias 16 a 25 de outubro, segue o seguinte tema “Frei Galvão, o Apóstolo da Caridade. Viu, sentiu compaixão e cuidou dele”. Os organizadores da novena estão preparando uma comemoração especial para o dia da festa.

No dia 25 de outubro, festa de Santo Antônio de Sant’Ana Galvão, serão celebradas Santas Missas ao longo de todo o dia: às 6h, 9h30, 12h. Às 14h se recitará um terço mariano festivo e às 15h o Arcebispo de Aparecida, Dom Orlando Brandes, presidirá a Santa Missa solene da festa. Em seguida, será realizada uma carreata pelas ruas da cidade. Às 18h haverá a Missa de encerramento da festa.

Por conta da pandemia do novo Coronavírus, o número de devotos que podem participar da novena foi limitado, portanto, os interessados deverão retirar uma senha, na secretaria do Santuário Frei Galvão, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Santo Antônio de Sant’Ana Galvão

Nascido na cidade Guaratinguetá, interior de São Paulo, no dia 10 de maio de 1739, Santo Antônio de Sant’Ana Galvão, OFM, mais conhecido como Frei Galvão nasceu em um ambiente familiar profundamente religioso.

Em 1760, ingressou no noviciado da Província Franciscana da Imaculada Conceição, no Convento de São Boaventura do Macacu, na Capitania do Rio de Janeiro. Foi ordenado sacerdote no dia 11 de julho de 1762, sendo transferido para o Convento de São Francisco em São Paulo.

No ano de 1774, fundou o Recolhimento de Nossa Senhora da Conceição da Divina Providência, hoje Mosteiro da Imaculada Conceição da Luz, das Irmãs Concepcionistas da Imaculada Conceição.

Frei Galvão faleceu no dia 23 de dezembro de 1822, no Mosteiro da Luz de São Paulo, sendo sepultado na Capela-Mor da Igreja do Mosteiro da Luz, onde até hoje é visitado por seus devotos.

Foi beatificado em 1998 pelo Papa São João Paulo II e canonizado no dia 11 de maio de 2007, pelo Papa Bento XVI, se tornando o primeiro santo que nasceu, viveu e morreu no Brasil. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas