Gaudium news > Sacerdotes dos EUA lançam campanha de oração e jejum para expulsar influência demoníaca do país

Sacerdotes dos EUA lançam campanha de oração e jejum para expulsar influência demoníaca do país

“Quero também para fazer uso da graça de Deus para provocar uma mudança real e duradoura”, afirmou um dos sacerdotes.

Estados Unidos – Washington (14/07/2020 09:00, Gaudium Press) Três sacerdotes dos Estados Unidos lançaram uma campanha de oração e jejum com o objetivo de expulsar toda influência demoníaca do país.

“Através de atos de reparação, jejum, penitência, caridade e oração (tanto pessoal como sacramental), apelamos ao poder de Deus para libertar-nos a nós mesmos, nossas famílias, nossas paróquias, nossas Dioceses e nossa nação de toda influência demoníaca e opressão”, diz comunicado do grupo.

Quarenta dias de oração e jejum

A campanha, que foi iniciada no dia 7 de julho, deve durar quarenta dias, sendo concluída no dia 15 de agosto, festa da Assunção de Nossa Senhora. Ao longo desse período, os Padres Bill Peckman, James Altman e Richard Heilman se alternarão oferecendo uma reflexão por dia dedicada a uma manifestação demoníaca e pecado que ela leva, e recomendando uma virtude correspondente para se praticar.

Foi indicada uma ladainha específica para cada dia da semana: às segundas-feiras se recitará a Ladainha de Humildade; às terças, a Ladainha de São Miguel Arcanjo; às quartas, a Ladainha de São José; às quintas, a Ladainha do Preciosíssimo Sangue de Jesus; às sextas, a Ladainha do Sagrado Coração de Jesus; aos sábados, a Ladainha do Imaculado Coração de Maria; e aos domingos, a Ladainha do Santíssimo Sacramento.

Além disso, também serão disponibilizados uma oração de exorcismo e atos de reparação, considerando o estado de vida da pessoa gradativamente. O primeiro nível é recomendado para mulheres grávidas, idosos e pessoas com graves condições médicas, já o último nível é voltado para sacerdotes. Esses atos de reparação incluem o rosário diário, o exercício regular, o jejum de doces, entre outros.

Fazer uso da graça de Deus

“Este é um movimento nacional do qual faço parte para fazer algo mais do que reclamar sobre o estado em que no encontramos. Quero também para fazer uso da graça de Deus para provocar uma mudança real e duradoura”, afirmou o Padre Peckman ao convidar os católicos para que participem do ato. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas