Gaudium news > Província Redentorista no Brasil celebra 70 anos de fundação

Província Redentorista no Brasil celebra 70 anos de fundação

A celebração faz parte de uma série de atividades que estão sendo preparadas para comemorar o Ano Jubilar, entre elas, uma exposição, lançamento de livros, selo e do logotipo oficial.

Minas Gerais – Belo Horizonte (01/07/2021 14:51, Gaudium Press) A Província Redentorista do Rio-Minas-Espírito Santo completou 70 anos de fundação. Para festejar esta data, na manhã da última terça-feira, 29 de junho, foi celebrada uma Santa Missa Solene no Santuário São José, um templo histórico localizado em Belo Horizonte.

O Arcebispo de Belo Horizonte, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidiu a Santa Missa, que contou com a concelebração dos Bispos Auxiliares de Belo Horizonte, Dom Vicente de Paula Ferreira, Dom Giovane Luis da Silva e Dom Nivaldo dos Santos Ferreira. A cerimônia ainda contou com a presença do superior da unidade redentorista da Bahia, Padre Roque Alves e de São Paulo, Padre Marlos Aurélio da Silva.

Homilia de Dom Walmor

Durante sua homilia, Dom Walmor afirmou se sentir honrado por estar presente nesta ação de graças e garantiu ter aprendido muito com os missionários redentoristas em sua história. “Sinto na minha própria pele os efeitos de muitos testemunhos de padres redentoristas e de seu trabalho. E essa alegria me faz jubiloso por ser porta-voz nessa ação de graças”, ressaltou.

Segundo o prelado, na história da província há três singularidades que chamam a atenção: a presença missionária na vida do povo; a contribuição intelectual e a importância de colocar a pessoa na centralidade de sua missão. Para Dom Walmor essas singularidades podem ser metas para todas as províncias e também para a Igreja.

O importante papel dos pioneiros

Ao final da celebração, o superior da unidade festiva, Padre Nelson Linhares, destacou o importante papel dos pioneiros provenientes da província holandesa e de todos os missionários que surgiram depois. Além disso, destacou a atuação dos leigos colaboradores nas diversas comunidades, paróquias, santuários e obras.

Em seguida, agradeceu a presença dos superiores das unidades da Bahia e São Paulo e tratou sobre o futuro da Ordem. “Estamos em processo de reestruturação. O nosso futuro é cheio de esperança. Nosso futuro fala que daqui algum tempo estaremos unidos numa só província: Rio, Minas, Espírito Santo, São Paulo e Bahia, para que possamos atingir ainda mais aqueles que são pobres, necessitados e marginalizados”, concluiu. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas