Gaudium news > O que são as antífonas do Ó?

O que são as antífonas do Ó?

Hoje, 17 de dezembro, a Igreja começa a recitação das antífonas do Ó! Tradição muito antiga na liturgia Católica as Antífonas são piedosas súplicas ao Salvador da Humanidade

Papa: Não deixemos o consumismo sequestrar o Natal, Jesus é o centro do presépio

Redação (17/12/2021 6:30, Gaudium Press) A liturgia da Igreja Católica é cheia de detalhes e símbolos. Essa riqueza se mostra especialmente nos tempos “fortes” do ano litúrgico: Quaresma, Páscoa, Advento e Natal.

Não é em vão que livros são dedicados a explicar os menores gestos, palavras, símbolos e costumes utilizados durante as celebrações litúrgicas da Igreja Católica, ao longo dos tempos.

O período natalino, precedido pelo Advento, tempo de penitência e de esperança, também é carregado de simbolismos e significados.

O que são as antífonas do Ó?

Uma das tradições mais bonitas do Advento é a recitação das antífonas do Ó. Trata-se de uma antífona que introduz o cântico do Magnificat na celebração do Ofício de vésperas. Ao todo são 7 antífonas recitadas nos dias que antecedem o Natal, do dia 17 ao dia 23 de dezembro.

As antífonas do Ó levam esse nome porque começam com a interjeição Ó! A origem das antífonas remonta as antiguidades do cristianismo, entre os séculos VII e VIII.

Súplica cheia de esperança na vinda do Salvador

As antífonas do Ó são um compêndio de Cristologia e ao mesmo tempo um resumo da esperança da Salvação do povo fiel, Elas compõem uma súplica piedosa a Nosso Senhor como “Esperado das Nações” e “Salvador da humanidade”.

Originalmente cantadas em melodia gregoriana, após o Concílio Vaticano II as antífonas também ganharam lugar na liturgia Eucarística e precedem a recitação do Evangelho durante a semana que antecede o Natal do Senhor.

Hoje, 17 de dezembro, recita-se a primeira antífona do Ó que pode ser acompanhada aqui! (FM)

 

 

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas