Gaudium news > Número de Batismos na República Tcheca cai em 2020

Número de Batismos na República Tcheca cai em 2020

Os catecúmenos que se prepararam para o Batismo na noite de Páscoa tiveram de esperar até o mês de junho e alguns ainda aguardam para receber este sacramento.

República Tcheca – Praga (06/04/2021 12:19, Gaudium Press) A Conferência Episcopal da República Tcheca, divulgou que durante o ano de 2020, foram ministrados apenas 14.600 Batismos, o que equivale a menos de um quarto da média. Segundo os Bispos do país, esses dados são reflexos das restrições impostas pela pandemia.

No ano de 2020, foi impossível manter o ritmo habitual das celebrações, inclusive dos sacramentos. Para se ter uma ideia, os catecúmenos que se prepararam para o Batismo na noite de Páscoa tiveram de esperar até o mês de junho e alguns ainda aguardam para receber este sacramento.

Sacramentos adiados por conta da pandemia

Apesar de ser tecnicamente possível administrar os sacramentos durante a pandemia e existam sacerdotes disponíveis para isso, muitos deles tiveram que ser adiados por conta da situação associada à pandemia e as restrições que afetam também as funções e serviços religiosos no país.

O Padre Vítezslav Rehulka da Paróquia de Ostrava conta que no ano passado batizou 40 crianças em sua paróquia, mas outras 15 famílias “decidiram esperar até que seja possível celebrar uma bela Missa com um banquete. Acredito que não vou parar por um momento sequer quando as medidas forem flexibilizadas”.

Não deveríamos adiar o Batismo por muito tempo

O secretário-geral da Conferência Episcopal tcheca, Padre Stanislav Pribyl, lamentou o fato de que muitas pessoas estejam na fila de espera pelo Batismo. “O Batismo é um Sacramento e para a criança que nasce é a graça de que necessita para a vida, por isso não deveríamos adiá-lo por muito tempo. Estamos tentando ajudar os sacerdotes e as famílias a organizarem tudo, mesmo no regime limitado que vigora atualmente”, destacou.

A Páscoa é o período no qual, tradicionalmente, se realiza o maior número de Batismos de adultos. Em 2020, por conta do início da pandemia, várias celebrações foram adiadas ou simplesmente deixaram de ser realizadas. Já neste ano, apesar de ter sido possível programar cerimônias batismais, houve uma significativa redução no número de batizados. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas