Gaudium news > Igreja é incendiada criminosamente enquanto fiéis assistiam Missa

Igreja é incendiada criminosamente enquanto fiéis assistiam Missa

Segundo o pároco, Padre Guillermo Zuluaga o prejuízo causado pode ter ficado na faixa de 20 milhões de pesos, o equivalente a R$ 28 mil.

Colômbia – Medellín (01/10/2021 14:38, Gaudium Press) Na tarde da última terça-feira, 28 de setembro, um grupo de feministas com pelo menos cem integrantes botou fogo na igreja da paróquia Santo Inácio de Loyola, localizada na cidade colombiana de Medellín. O ato se tornou ainda mais grave pelo fato de que dentro da igreja, por volta de cinquenta fiéis assistiam à Santa Missa presidida pelo pároco, o Padre Guillermo Zuluaga.

O sacrilégio aconteceu por ocasião da marcha do dia da “ação global por um aborto legal e seguro”, que ocorre desde o ano de 1990, tendo sido instituída durante o V Encontro Feminista Latino-Americano e Caribenho, realizado na cidade costa riquenha de San José.

Manifestação feminista

Por volta das 18h30 as feministas se reuniram na praça que fica na frente da igreja e começaram a gritar palavras de ordem a favor do aborto. Diante disso, um grupo de fiéis católicos resolveu fechar as portas do templo, com receio de que houvesse algum ataque ao interior da edificação religiosa.

O fato causou irritação nas feministas, que começaram a pichar as portas e paredes da igreja. Em seguida, de forma ainda mais violenta, elas resolveram atacar o templo arrancando suas grades e ateando fogo em uma das portas que era toda de madeira. De acordo com o Padre Zuluaga, os fiéis entraram em pânico por pensar que a igreja seria toda incendiada.

Incêndio e vandalismo contra a igreja

Esses mesmos fiéis utilizaram extintores de incêndio para apagar o fogo e evitar sua propagação pela igreja. As chamas foram extintas uma hora depois. Após outros ataques violentos por parte do grupo de feministas, os fiéis conseguiram sair da igreja pelas portas do escritório paroquial.

Às 23h, outro grupo de vândalos chegou a cobrir com tinta cinza as pichações da tarde, danificando ainda mais o patrimônio. Segundo o pároco, o prejuízo causado pode ter ficado na faixa de 20 milhões de pesos, o equivalente a R$ 28 mil. Além disso, a porta era centenária e a pedra da fachada é bicentenária. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas