Gaudium news > História, oração e frases de Santa Edith Stein (Santa Teresa Benedita da Cruz)

História, oração e frases de Santa Edith Stein (Santa Teresa Benedita da Cruz)

A Igreja Católica celebra no dia de hoje, 9 de agosto, a memória de Santa Teresa Benedita da Cruz, mais conhecida como Santa Edith Stein.

Redação (09/08/2022 09:41, Gaudium Press) Nascida na Alemanha, no dia 12 de outubro de 1891, em uma próspera família de judeus, Edith Stein sempre foi brilhante nos estudos. Durante uma crise na adolescência abandonou a escola, as práticas religiosas e a crença em Deus. Mais tarde concluiu seus estudos, se tornando doutora.

A leitura da autobiografia de Santa Teresa d’Ávila, tocou a jovem judia, que se converteu ao catolicismo, o que nunca foi aceito por sua família. Com a chegada do nazismo, Edith ingressou na Ordem do Carmelo, onde passou a ser chamada de Teresa Benedita da Cruz.

Em agosto de 1942 Edith foi levada por oficiais nazistas para os campos de concentração, junto de outros duzentos e quarenta e dois judeus católicos. A Santa se esforçava para consolar os mais aflitos, levantar o ânimo dos abatidos e cuidar das crianças.

No dia 07 de agosto de 1942, Santa Edith Stein e outras centenas de judeus, foram de trem para o campo de extermínio de Auschwitz, onde dois dias depois foram mortos na câmara de gás, tendo seus corpos sido queimados pelos nazistas.

Frases de Santa Edith Stein

01 – “Quem procura a verdade procura Deus, ainda que não o saiba”.

02 – “Responder o chamado de Deus é sempre uma aventura, mas vale a pena correr o risco”.

03 – “Nenhuma obra espiritual vem ao mundo sem grandes sofrimentos. Ela desafia sempre o homem inteiro”.

04 – “Quanto mais escuridão se faz ao nosso redor, mais devemos abrir o coração à luz que vem do alto”.

05 – “O que vale a pena possuir, vale a pena esperar”.

06 – “Se Maria é o protótipo da genuína feminilidade, a imitação de Maria deve ser o fim da formação da jovem”.

07 – “A Igreja é inabalável justamente porque une a absoluta defesa da verdade eterna a uma inigualável elasticidade em adaptar-se às situações e exigências de cada tempo”.

08 – “O lugar de cada um de nós depende unicamente da nossa vocação. A vocação não se encontra simplesmente depois de ter refletido e examinado os vários caminhos: é uma resposta que se obtém com a oração”.

09 – “A essência mais íntima do amor é a doação. Deus que é amor dá-se à criatura que Ele mesmo criou por amor”.

10 – “O Senhor está presente no tabernáculo com divindade e humanidade. Ele está ali, não para si mesmo, mas para nós: porque a sua alegria consiste em estar com os homens. E porque sabe que nós, como somos, temos necessidade da sua proximidade pessoal. A consequência, para quantos pensam e sentem normalmente, é sentir-se atraídos e de parar ali de vez em quando, na medida em que lhes for possível”.

Oração a Santa Edith Stein

Amada Santa Teresa Benedita da Cruz, Filha do Dia do Perdão, Mártir de Auschiwitz e Mestra da Igreja. Abraçadora da Cruz com um amor como o de Cristo, descendente de Abraão, Filha de Nossa Senhora do Monte Carmelo. Tu que profundamente goza nos corações do Messias e de sua Mãe, por favor, intercede por mim. Amém. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas