Gaudium news > Guarda Suíça inicia o recrutamento de novos integrantes

Guarda Suíça inicia o recrutamento de novos integrantes

Segundo o comandante Christoph Graf, a tradição e a modernidade raramente estão tão estreitamente unidas como na Guarda Suíça Pontifícia.

Cidade do Vaticano (05/06/2020 14:00, Gaudium Press) A Guarda Suíça Pontifícia anunciou esta semana o ingresso de cinco novos integrantes na escola de recrutamento do Vaticano, onde passarão por um treino que durará três meses.

Durante as primeiras semanas os futuros guardas do Papa conhecerão o ambiente de serviço, terão curso de italiano e se submeterão à exames médicos. Além disso, o processo de recrutamento também é constituído pelo conhecimento de pessoas e lugares, com um treinamento militar específico para a Guarda. A data prevista para o início de seu emprego é o dia 1º de julho.

No outono, os recrutas serão enviados para a praça de armas de Isone, na Suíça, onde, durante quatro semanas, receberão formação em técnicas de segurança e táticas na polícia cantonal do cantão Ticino.

Os cinco jovens recrutas estudarão diversas matérias, dentre as quais estão: elementos da psicologia, de direito, prevenção e combate à incêndios, técnicas de primeiros socorros, tiro e segurança pessoal, comportamento tático e esportes. Ao final do treinamento retornarão ao Vaticano onde continuarão seu serviço.

Tradição e modernidade estreitamente unidas

Segundo o comandante Christoph Graf, a tradição e a modernidade raramente estão tão estreitamente unidas como na Guarda Suíça Pontifícia. “O corpo, tem protegido ao Pontífice e sua residência desde 1506, sem que nada tenha mudado desde então. Por outro lado, os métodos com os quais os guardas realizam seu trabalho e o ambiente no qual se deslocam mudou”.

“Com o soldado do século XVI, o jovem guarda tem em comum a firme convicção de que a Igreja de Jesus Cristo e o Sucessor de Pedro merecem o compromisso deles, ao custo de suas vidas, se necessário”, ressaltou.

Graf conclui destacando que “ambos estão unidos por um certo gosto pela aventura em um ambiente internacional, pela camaradagem, pelo aprendizado de um ofício de segurança, pela experiência da intensidade de sua Fé, pelo aprendizado de um novo idioma e pela aproximação com a cultura da Itália”. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas