Gaudium news > Faleceu Dom Albert Vanhoye, o Cardeal mais velho da Igreja Católica

Faleceu Dom Albert Vanhoye, o Cardeal mais velho da Igreja Católica

O Colégio dos Cardeais agora está composto por 220 cardeais, 123 eleitores e 97 não-eleitores.

Redação (30/07/2021 12:20, Gaudium Press) O Cardeal francês Albert Vanhoye, ex-reitor do Pontifício Instituto Bíblico e ex-secretário da Pontifícia Comissão Bíblica, faleceu em Roma na última quinta-feira, 29 de julho, aos 98 anos.

Cardeal Albert Vanhoye

Nascido no 24 de julho de 1923 em Hazebrouck, na Diocese de Lille, no norte da França, o Cardeal Vanhoye ingressou na Companhia de Jesus no dia 11 de setembro de 1941, e emitiu seus primeiros votos no dia 15 de novembro de 1944 sendo ordenado sacerdote no dia 26 de julho de 1954 em Enghien, Bélgica. Formado em literatura pela Sorbonne e em teologia pela Universidade de Enghien, obteve posteriormente o doutorado em Escrituras no Pontifício Instituto Bíblico, em 1961.

Em 1963 foi convidado para lecionar em Roma, onde permaneceu até o ano de 1998. Foi membro da Pontifícia Comissão Bíblica de 1984 a 2001 e seu secretário de 1990 a 2001; Além disso, foi consultor do Pontifício Conselho para a Promoção da Unidade dos Cristãos de 1980 a 1996.

Cardeal após os 80 anos

O purpurado era um dos três eclesiásticos com mais de 80 anos que, no ano de 2006, o Papa Bento XVI elevou à dignidade de Cardeal, “em consideração aos serviços prestados à Igreja com fidelidade exemplar e admirável devoção”. Na ocasião, o pontífice afirmou que ele era um grande exegeta.

O Cardeal Leonardo Sandri presidirá a cerimônia do funeral do purpurado, que está programada para ocorrer às 11 horas do sábado, 31 de julho. O Colégio dos Cardeais agora está composto por 220 cardeais, 123 eleitores e 97 não-eleitores.

Mensagem do Papa Francisco

Na manhã desta sexta-feira, 30, o Papa Francisco enviou um telegrama de pesar pela morte do Cardeal ao Superior Geral da “Residência São Pedro Canisio” em Roma, Padre Manuel Moruja. Em sua mensagem, o Santo Padre exprimiu sua proximidade à Comunidade e aos familiares do cardeal falecido.

Francisco disse recordar com afeto e admiração deste irmão que serviu ao Senhor e à Igreja com grande dedicação. O Pontífice o descreveu ainda como “religioso zeloso, filho espiritual de Santo Inácio, professor excelente, biblista exímio e estimado reitor do Pontifício Instituto Bíblico”.

O Papa afirmou ainda que o Cardeal Vanhoye será sempre recordado “pelo seu amor ao Ministério da pregação que exerceu com generosidade, animado pelo desejo de anunciar o Evangelho”. Ao término de sua mensagem, enviou uma bênção apostólica aos que choram pela sua morte. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas