Gaudium news > Dom Staglianò é nomeado presidente da Pontifícia Academia de Teologia

Dom Staglianò é nomeado presidente da Pontifícia Academia de Teologia

A Pontifícia Academia de Teologia foi fundada pelo Papa Clemente XI no ano de 1718.

Foto: Vatican Media.

Cidade do Vaticano (10/08/2022 16:59, Gaudium Press) O Papa Francisco nomeou Dom Antonio Staglianò, Bispo de Noto, Itália, como novo presidente da Pontifícia Academia de Teologia, dicastério vaticano que promove o diálogo entre Fé e razão, além do aprofundamento da doutrina católica.

Quem é Dom Antonio Staglianò?

Nascido no dia 14 de junho de 1959, em Isola Capo Rizzuto, Arquidiocese de Crotone-Santa Severina, Staglianò cursou Teologia Fundamental na Pontifícia Universidade Gregoriana em 1986, concluindo seus estudos teologais na Alemanha. Em 1995 se formou em Filosofia na Universidade estatal de Cosenza.

Foi ordenado sacerdote no dia 20 de outubro de 1984. Dentre as funções que assumiu estão a de assistente diocesano da FUCI e até 1998 assistente espiritual da Ordo Virginum. Também foi vigário episcopal e diretor do Escritório de Cultura; pároco em Le Castella; diretor e professor do Instituto Teológico da Calábria.

Atuou como docente na Faculdade Teológica da Itália Meridional de Nápoles e no Instituto de Ciências Religiosas em Crotone. Realizou cursos de Teologia na Universidade Urbaniana e na Universidade Gregoriana.

Durante a Assembleia Geral do Sínodo dos Bispos de 2 a 23 de outubro de 2005, foi nomeado pelo Papa Bento XVI como ‘auditor secretarii specialis’. Foi teólogo consultor da CEI para o Projeto Cultural em 1997.

Em 22 de janeiro de 2009, foi nomeado Bispo de Noto por Bento XVI. Sua consagração episcopal ocorreu no dia 19 de março de 2009, tendo sido presidida pelo Cardeal Camillo Ruini. É autor de várias publicações teológicas.

O que a Pontifícia Academia de Teologia faz?

A Pontifícia Academia de Teologia foi fundada pelo Papa Clemente XI no ano de 1718. Segundo o Pontifício Conselho para a Cultura, ela foi “criada como sede das ciências sagradas para formar teólogos bem preparados”. Sua missão é “promover o diálogo entre Fé e razão, além de aprofundar a doutrina cristã”.

A Pontifícia Academia de Teologia usa como base para sua missão a encíclica ‘Fides et ratio’ escrita pelo Papa São João Paulo II. Segundo o documento pontifício, esta organização tem por objetivo “apresentar a inteligência da Revelação e o conteúdo da Fé”.

“Uma das principais tarefas dos acadêmicos é compreender a verdade revelada e apresentá-la aos homens de hoje, para que recebam a mensagem de Cristo e a encarnem na própria vida e na própria cultura, como fonte inesgotável de renovação, tanto no campo da Fé como da moral”, diz o site deste dicastério da Santa Sé. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas