Gaudium news > Diocese dos Estados Unidos proclama Ano de São José

Diocese dos Estados Unidos proclama Ano de São José

A celebração comemora os 150 anos de quando o Beato Pio IX declarou São José como padroeiro da Igreja Universal.

Estados Unidos – Louisiana (20/08/2020 15:00, Gaudium Press) A Diocese de Lafayette, no estado de Louisiana, EUA, iniciou na última segunda-feira, 17, o ano de São José. O evento seria realizado há dois meses mas teve de ser adiado por conta das restrições impostas pela pandemia de Covid-19.

Na Diocese norte-americana existem treze paróquias sob o patrocínio do Pai adotivo de Jesus, e foi em uma delas, na Paróquia São José de Patterson, que Dom Douglas Deshotel, Bispo de Lafayette, celebrou a missa inaugural deste ano santo.

150 anos da declaração de São José como padroeiro da Igreja Universal

Em sua homilia, o Bispo recordou que a celebração comemora os 150 anos de quando o Beato Pio IX declarou São José como padroeiro da Igreja Universal. “Como São José cuidou da Sagrada Família de Jesus e Maria, lhe pedimos que durante este ano ele cuide da Igreja. A Igreja é o corpo de Cristo, e como São José amou, cuidou e protegeu Jesus, lhe pedimos que faça o mesmo pela Igreja”, ressaltou Dom Deshotel.

Como protetor da Sagrada Família e casto esposo da Santíssima Virgem Maria, “estabeleceu um padrão maravilhoso para os pais pelo resto da eternidade”, acrescentou Blue Rolfes, diretora de comunicações da jurisdição.

Celebrações pelo Ano de São José

O Ano de São José será celebrado através de peregrinações pelas paróquias das quais ele é padroeiro, missões paroquiais e convidando os devotos a participarem do São José Workday, o dia do trabalho de São José.

Um folheto com orações dedicadas ao Santo Patriarca e fotos de cada uma das paróquias da Diocese na qual São José é padroeiro foi preparado pelos organizadores do Ano Santo. Os devotos que visitarem essas paróquias poderão receber selos indicando que estiveram ali.

Indulgência plenária

O Papa Francisco concedeu uma indulgência plenária aos católicos da Diocese de Lafayette que peregrinem ao menos em uma das paróquias e cumpram as demais condições ordinárias para receber uma indulgência plenária: que o indivíduo esteja em estado de graça ao completar os atos, tenha total desapego do pecado, e ore pelas intenções do Papa. A pessoa também deve confessar sacramentalmente seus pecados e receber a Comunhão, até vinte dias antes ou depois do ato de indulgência.

“Creio que São José é um maravilhoso exemplo para nós de permanência na Fé, de sermos fortes e fazermos o que Deus nos pede. E também de nos preocuparmos mais pelos outros do que por nós mesmos. Creio que é um maravilhoso modelo a seguir para os pais, definitivamente, mas para todos nós”, insistiu a diretora de comunicações da Diocese. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas