Gaudium news > Conferência Nacional dos Bispos do Brasil celebra seus 68 anos

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil celebra seus 68 anos

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil foi fundada no dia 14 de outubro de 1952, no Rio de Janeiro, então capital do Brasil, sendo transferida para Brasília em 1977.

Redação (08/10/2020 11:00, Gaudium Press) No próximo dia 14 de outubro, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), completará 68 anos de existência. Para celebrar esta importante data, a instituição está preparando uma série de eventos online.

Santa Missa e recitação do terço mariano

Às 09h da manhã, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, Arcebispo de Belo Horizonte e presidente da CNBB, presidirá uma Santa Missa no Santuário de Nossa Senhora da Piedade. Às15h30 colaboradores da CNBB rezarão um terço nas intenções da Conferência e da Igreja no Brasil (evento que será transmitido por diversas emissoras televisivas de inspiração católica do país).

Para Dom Joel Portella Amado, Bispo auxiliar do Rio de Janeiro e secretário-geral da CNBB, este terço reflete um pouco do mosaico que é a vida da CNBB, uma vida dinâmica, fraterna e servidora, mas nem sempre conhecida. “Embora sendo um organismo dos Bispos, sem a colaboração de tantos corações generosos e abnegados, a CNBB não cumpriria sua função”, assegurou.

Live com ex-presidentes e atual presidente da CNBB

Já às 17h, dois ex-presidentes da CNBB, Dom Raymundo Damasceno e Dom Sergio da Rocha e o atual presidente, Dom Walmor de Oliveira, participarão de uma live mediada pelo Padre Patriky Samuel, secretário-executivo de Campanhas da CNBB. Esta live, que será transmitida pelas redes sociais da entidade, terá por tema a história, a identidade e o futuro da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Revisão dos estatutos da CNBB

De acordo com o secretário-geral da CNBB, a celebração dos 68 anos da entidade acontece em um momento em que a instituição está vivendo um grande desafio: a revisão dos seus estatutos. “Temos, com o novo Estatuto, o desejo de corresponder ao caminhar da Igreja nas últimas décadas”, explicou.

Ainda segundo o prelado, o novo Estatuto tem como grande referência a Missão sem a qual a Igreja perderia sua identidade. “Num mundo, porém, bastante plural e diversificado, o cumprimento da missão só pode se dar em um clima de sinodalidade, ou seja, de diálogo, na escuta e na partilha de compreensões e perspectivas. Por isso, as duas referências maiores para o novo Estatuto são a Missão e a Sinodalidade”, concluiu.

Fundada no dia 14 de outubro de 1952, no Rio de Janeiro, então capital do Brasil, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil teve sua sede transferida para Brasília em 1977.

Finalidades da CNBB

Em seu estatuto, a CNBB define que suas finalidades são: aprofundar cada vez mais a comunhão dos Bispos; estudar assuntos de interesse comum da Igreja no País, para melhor promover a ação pastoral orgânica; deliberar em matérias de sua competência, segundo as normas do direito comum ou de mandato especial da Sé Apostólica; manifestar solicitude pela Igreja Universal, através da comunhão e colaboração com a Sé Apostólica e com as outras Conferências Episcopais; cuidar do relacionamento com os poderes públicos, a serviço do bem comum, ressalvado o conveniente entendimento com a Nunciatura Apostólica, no âmbito de sua competência específica. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas