Gaudium news > Cardeal Odilo celebra o Domingo de Ramos na cripta da Catedral da Sé

Cardeal Odilo celebra o Domingo de Ramos na cripta da Catedral da Sé

Por conta das medidas restritivas para conter o avanço da pandemia de Covid-19, a celebração, que marca o início da Semana Santa, não contou com a presença de fiéis.

São Paulo (29/03/2021 09:24, Gaudium Press) O Cardeal Arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Pedro Scherer, presidiu, neste dia 28 de março, a Missa de Domingo de Ramos e da Paixão do Senhor, na cripta da Catedral da Sé.

Por conta das medidas restritivas para conter o avanço da pandemia de Covid-19, a celebração, que marca o início da Semana Santa, não contou com a presença de fiéis, mas foi transmitida através da rádio 9 de Julho e pelas redes sociais da Arquidiocese. Por este mesmo motivo, não houve a tradicional procissão de ramos.

Sempre precisamos contar com a graça de Deus

Em sua homilia, Dom Odilo tratou sobre São Pedro apóstolo, que após prometer defender seu mestre até o fim, dormiu com seus companheiros no horto das oliveiras ao invés de vigiar em oração com Nosso Senhor. Por fim, negou Jesus por três vezes.

“Quantas vezes isso acontece também conosco? Quanta coragem e quanta fraqueza! Como precisamos ser humildes até mesmo na nossa Fé, pois sempre precisamos contar muito com a graça de Deus para permanecermos firmes e constantes”,

Não sejamos manipulados pela mentira

Em seguida, o purpurado tratou sobre a multidão que acolheu solenemente a Jesus na entrada de Jerusalém, mas que durante o seu julgamento, pediu a sua morte. Segundo o purpurado, essa multidão, movida por uma espécie de “fake news”, insultou Nosso Senhor sem saber o motivo de sua condenação.

Alertando para a força de uma mentira na manipulação da opinião pública, Dom Odilo advertiu para o mal que uma mentira é capaz de fazer na sociedade. “Não sejamos também nós manipulados pela mentira. Mantenhamos firmes o nosso juízo e senso crítico. Saibamos distinguir, discernir”, aconselhou.

Um grande momento de reflexão e de oração

Lamentando a impossibilidade dos fiéis estarem presentes nos templos, o Cardeal Odilo exortou para que, apesar das limitações atuais, acompanhem as celebrações da Semana Santa meditando com interioridade sobre cada passo da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo, como se fosse um grande retiro espiritual.

“A partir de nossas casas, dos meios técnicos que temos, podemos acompanhar a liturgia a cada dia desta semana, que será para nós um grande momento de reflexão e de oração, de nos unirmos à paixão de Jesus. Unamo-nos à paixão de Cristo para termos parte com ele na sua glória, na sua ressurreição”, concluiu. (EPC)

Fotos: Luciney Martins/O SÃO PAULO

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas