Gaudium news > Aumento de exorcismos e orações de libertação?

Aumento de exorcismos e orações de libertação?

A Pandemia provou ser um terreno fértil para a influência demoníaca, aumentando a necessidade de exorcismos em todo o mundo.

Redação (27/10/2021 18:14, Gaudium Press) Um curso de cinco dias, que teve início no dia 25 de outubro e irá até dia 30, sobre “O Ministério do Exorcismo e a Oração de Libertação” está sendo realizado na Pontifícia Universidade Regina Apostolorum de Roma. Esta 15ª edição do curso é a primeira presencial desde que começou a pandemia, embora algumas sessões estejam disponíveis online.

Atualmente, houve um aumento no número de pedidos de exorcismo, em parte devido ao acúmulo criado pelos lockdowns, mas também devido a fatores causados pela própria pandemia. Por isso, as cargas de trabalho dobraram. Os lockdowns e as dificuldades a associadas a um maior acesso ao ocultismo levaram um grande número de pessoas a explorar áreas perigosas do sobrenatural.

O Papa Francisco ajudou a aumentar a consciência das pessoas sobre o maligno, chamando a atenção para as tentações mais comuns. E isso, por sua vez, aumentou a consciência das ações preternaturais: infestação, obsessão e possessão.

De acordo com o Pe. Luis Ramirez, “metade dos cem inscritos no curso presencial e dos 37 que estão seguindo online são leigos”, uma vez que várias pessoas fazem parte da equipe dos exorcistas. Esses indivíduos devem ser aprovados por seus bispos locais antes de serem admitidos no curso e trabalhar com um sacerdote exorcista, com “a função de apoiar as orações, os familiares ou mesmo, no caso de médicos, com um suporte médico-científico” acrescentou o Pe. Ramirez.

Isso é necessário porque eles precisarão separar aqueles que precisam de ajuda e apoio psicológico proveniente de ‘forças malignas’ e aqueles com problemas mais sérios.

O programa deste ano incluirá sessões como as de “Subjugação Demoníaca” e “Fontes históricas para o rito do exorcismo”, além da investigação de um novo fenômeno presente sobretudo na América Latina: as constelações familiares.

Com informações Italy 24 News

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas