Gaudium news > Arquidiocese de Taipei, Taiwan, decide reabrir os templos

Arquidiocese de Taipei, Taiwan, decide reabrir os templos

Inicialmente os templos terão lotação máxima de 100 pessoas e se aconselha o cumprimento de algumas medidas de prevenção.

China – Taiwan (04/05/2020 16:00, Gaudium Press) Desde o dia 5 de maio, os fiéis em Taipei, Taiwan, poderão voltar a frequentar as Missas públicas. Isso estabelece um decreto da Arquidiocese que ordena reabrir os templos após 45 dias de isolamento. Dom John Hung Shan-chuan, Arcebispo de Taipei, anunciou a decisão, com efeito imediato, após constatar a estabilidade da situação de saúde pública e a possibilidade de retomar o culto divino público com algumas medidas de prevenção.

Reabrir templos, prioridade após o isolamento

“Em vista do fato de que a epidemia de ‘pneumonia infecciosa especial grave’ em Taiwan se estabilizou levemente, o Dia do Senhor e a Missa de segunda a sexta-feira serão retomadas a partir de agora”, declarou o Arcebispo. O prelado estabeleceu um limite de 100 pessoas para a assistência às Missas e pediu aos fiéis observar todas as medidas de prevenção. Entre estas se encontram o uso de máscaras, a medição de temperatura, distância pessoal e a desinfecção com álcool.

Da mesma forma, se mantém a decisão de realizar o sinal da paz com uma leve inclinação de cabeça e a necessidade de desinfetar o templo cuidadosamente após as celebrações. Cada paróquia poderá estabelecer a maneira em que se realizará a coleta. No entanto, se sugeriu que seja realizada após a Missa para evitar riscos de contaminação das mãos.

Um dos países com melhores resultados na contenção da pandemia

Apesar de não ser considerado membro da Organização Mundial da Saúde por conta da pressão da China, Taiwan é um dos países com melhores resultados na contenção da pandemia de coronavírus. Apesar de ser vizinho da China, o país registra desde o início da contingência um total de 436 contágios e seis mortes. (EPC)

Deixe seu comentário

Notícias Relacionadas