Gaudium news > Adoração Eucarística com fiéis em seus veículos é adotada em Paróquia de Maryland, EUA

Adoração Eucarística com fiéis em seus veículos é adotada em Paróquia de Maryland, EUA

A jornada surgiu dos numerosos pedidos e sugestões dos fiéis locais após o decreto que suspendeu as Missas públicas na Arquidiocese.

A jornada surgiu dos numerosos pedidos e sugestões dos fiéis locais após o decreto que suspendeu as Missas públicas na Arquidiocese.

Estados Unidos – Silver Spring (Terça-feira, 24-03-2020, Gaudium Press) Na busca por alternativas livres de risco de contágio de COVID-19, a escola católica de Santo André Apóstolo em Silver Spring, Maryland, Estados Unidos, organizou uma jornada de Adoração Eucarística na qual os fiéis participam a partir de seus veículos, cumprindo com as normas de prevenção e permitindo uma participação paroquial notável.

“Está ocorrendo um paradoxo muito belo. Há uma contradição na vida das pessoas no fato de que estão começando a se dar conta do que não tem. A ausência está criando um desejo de presença”, indicou ao ‘Our Sunday Visitor’ o pároco de Santo André Apóstolo, Padre Dan Leary. O que Deus está permitindo é este encontro divino de amor. Ele está voltando os corações e os olhos das pessoas para Ele”.

Origem da iniciativa

A jornada surgiu das numerosas petições e sugestões dos fiéis locais após o decreto que suspendeu as Missas públicas na Arquidiocese de Washington, a qual pertence a Paróquia. A ideia de um encontro no qual os fiéis não tiveram que descer de seus veículos gerou entusiasmo entre os fiéis e mais de 150 automóveis ingressaram no lugar para participar. “Foi realmente poderosa. As pessoas estavam profundamente impactadas pela realidade disto”, afirmou o Padre Leary. “Foi bem feito e bem organizado. Realmente estou comprazido pela forma na qual tudo ocorreu”.

Segundo expôs o sacerdote, a paróquia trabalha em um calendário no qual os fiéis se inscrevem para realizar as Horas Santas a partir dos seus lares. O presbítero enviou uma carta aos seus fiéis na qual os animou a viver com Fé o período de isolamento. “Não é por causalidade que nos seja pedido este sacrifício eucarístico durante a Quaresma. Nos pedem para irmos ao deserto, em certo sentido, onde seremos ‘ressecados’ e desejaremos o Corpo e o Sangue de Cristo de uma maneira que talvez nunca antes tenhamos sentido”, concluiu o pároco. “Que bom é Deus ao permitir este tempo de graça”. (EPC)

Deixe seu comentário

Noticias Relacionadas