Gaudium news > Sagrado Coração de Jesus: poderoso escudo contra pandemias e epidemias

Sagrado Coração de Jesus: poderoso escudo contra pandemias e epidemias

Redação (Sexta-feira, 13-03-2020, Gaudium Press) Numa época de pandemias quando as incertezas rondam todas as pessoas, existe uma certeza que está sempre ao nosso alcance:

Sagrado Coração de Jesus, poderoso escudo contra epidemias e pandemias-Foto Gaudium Pres.jpg
Alto lá! O coração de Jesus está Comigo!
Venha a nós o Vosso Reino!

A proteção do Sagrado Coração de Jesus.

Conta a tradição que, no século 18, quem usava, com devoção, o Escudo do Sagrado Coração ficou livre de uma epidemia que atingiu a França.

O que acontece é que o clima psicológico criado em torno desse tipo de flagelo, em muitos casos, desnorteia e faz esquecer verdades que conhecemos e que já foi, para muitos, ocasião de devoção, de alcance de graças, dons e favores.

Devoção e oração

Para relembrar aos que se esqueceram e tornar conhecida aos que não a conheciam, vamos publicar uma pequena e poderosa oração que em momentos como esses que vivemos podem ser de uma eficácia que nem os homens com sua ciência e sua sabedoria humanas são capazes de realizar.

Esta oração foi escrita no Escudo Protetor que o Próprio Nosso Senhor mostrou a Santa Margarida Maria Alacoque como deveria ser elaborado.

A devoção ao Escudo do Sagrado Coração de Jesus, livrou toda a cidade de Marseille de uma epidemia feroz.

Oração ao Escudo do Sagrado Coração de Jesus

Pequena, simples e eficaz. Aqui está a oração do Escudo protetor do Sagrado Coração de Jesus:

Alto lá!

Detenha-te, demônio; detenha-se toda maldade, todo perigo, todo desastre.

Detenham-se todos os assaltos, todas as balas de bandidos, todas as tentações.

Detenha-se todo inimigo, toda enfermidade, e detenham-se nossas paixões desordenadas, pois o Sagrado Coração de Jesus está comigo!

Alto lá! O coração de Jesus está Comigo.

Venha a nós o Vosso Reino (3X).

A origem da devoção

Nosso Senhor Jesus Cristo revelou-se a Santa Margarida Maria Alacoque, uma religiosa francesa, mostrando lhe seu desejo de que fossem confeccionados escudos com a imagem de seu Sagrado Coração, e que os fiéis, como forma de homenagem, colocassem este escudo em suas casas e os tivessem junto a si levando-os consigo por todos os lados.

Esta devoção era inicialmente praticada apenas nos mosteiros da Ordem da Visitação.

Porém, os acontecimentos levaram a que a devoção ao Escudo Protetor do Sagrado Coração de Jesus se espalhasse extraordinariamente para fora dos mosteiros.

Quem mas difundiu esta devoção foi a Venerável Ana Magdalena Rémuzat.

Essa religiosa que pertencia à mesma Ordem da Visitação, faleceu em odor de santidade.

A ela Nosso Senhor fez saber, com muito tempo de antecedência, o estrago que uma grave epidemia faria aos moradores da cidade francesa de Marselha, em 1720.

Mas, Nosso Senhor revelou também a esta venerável religiosa a promessa de todo o bem, de todo o maravilhoso auxílio que os habitantes de Marselha praticassem a devoção ao Sagrado Coração de Jesus.

Com a ajuda de suas irmãs de hábito, a Venerável Ana Magdalena Rémuzat confeccionou milhares desses Escudos do SagradoCoração e os distribuiu entre os habitantes de Marselha que estava sendo flagelada por uma violenta e devastadora peste.

Logo depois dessa distribuição e do fomento da devoção ao Escudo do Coração de Jesus, os registros históricos relatam que milagrosamente a epidemia cessou.

Não só cessou como também não contagiou muitos daqueles que portavam o Escudo do Sagrado Coração de Jesus. Além disso, as pessoas contagiadas, com esta devoção, foram auxiliadas de um modo extraordinário.

Os registros narram também que em outras localidades ocorreram fatos análogos.

A partir de então, a devoção ao Sagrado Coração de Jesus teve grande desenvolvimento e a devoção a seu Escudo espalhou-se não só a outras cidades da França, mas a outros países também,

Ao tomar conhecimento desta devoção e desses fatos históricos de Marselha, o Papa Pio IX, anos mais tarde, concedeu uma bênção especial a todos os escudos elaborados segundo o modelo dessa devoção.

(Da Redação Gaudium Press, com informações Canção Nova)

Com informações de Alexandre Oliveira, missionário da Canção Nova

 

Deixe seu comentário

Noticias Relacionadas